quinta-feira, 31 de maio de 2012

Semana Nacional do Meio Ambiente



Dia Mundial do Meio Ambiente é comemorado em 5 de junho. A data foi recomendada pela Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente, realizada em 1972, em Estocolmo, na Suécia.
Através do 
Decreto Federal 86.028, de 27 de maio de 1981, o governo brasileiro também estabeleceu que neste período em todo território nacional se promovesse a Semana Nacional do Meio Ambiente que tem por finalidade apoiar a participação da comunidade nacional na preservação do patrimônio natural do País.
O Dia Mundial do Meio Ambiente, também denominado WED, chama a atenção e ação política de povos e países para aumentar a conscientização e a preservação ambiental. Por meio do WED, O Programa da ONU para o Meio Ambiente personaliza questões ambientais e possibilita a cada um perceber não somente sua responsabilidade, mas também o poder de se tornar um agente para a mudança, apoiando uma forma de desenvolvimento mais justa e sustentável. O WED é também um dia para promover um mundo mais limpo e verde para si e para as gerações futuras, para mais informações consulte o PNUMA.

quarta-feira, 30 de maio de 2012

Mestrado Profissional em Matemática



Com inscrições até o dia 2 de julho, o mestrado PROFMAT oferece 40 vagas na UFPB, sendo 32 destinadas a professores da rede pública de ensino.

As inscrições para o processo seletivo do Mestrado Profissional em Matemática em Rede Nacional (PROFMAT) para o ano de 2013 estarão abertas até o dia 2 de julho. O mestrado da PROFMAT oferece 40 vagas em João Pessoa, através da Universidade Federal da Paraíba (UFPB).
Dessas 40 vagas, 32 são destinadas a professores em exercício na rede pública de ensino que atuem na docência de matemática e o restante para demais candidatos que tenham a formação superior exigida, mas não se encontram lecionando.
Em todo o Brasil o número de vagas é de 1.570, distribuídas em mais de 90 polos. A taxa de inscrição é de R$ 43 e deve ser paga em boleto bancário emitido pelo Banco do Brasil no momento de preenchimento do formulário de inscrição, respeitado o prazo máximo de vencimento impresso no boleto e sem possibilidade de prorrogação. Os alunos classificados que sejam professores de escola pública poderão solicitar bolsas de estudos da CAPES, no valor de R$ 1.200,00.
O PROFMAT – Mestrado Profissional em Matemática em Rede Nacional é um curso semipresencial, com oferta nacional, realizado por uma rede de Instituições de Ensino Superior, no contexto da Universidade Aberta do Brasil, e coordenado pela Sociedade Brasileira de Matemática (SBM).
O programa da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM) é executado pelas Comissões Acadêmicas Locais das Instituições Associadas, o PROFMAT é um programa de pós-graduação gratuito reconhecido pelo MEC/CAPES  e que conduz ao grau de Mestre.
O PROFMAT visa atender professores de Matemática em exercício no ensino básico, especialmente na escola pública, que busquem aprimoramento em sua formação profissional, com ênfase no domínio aprofundado de conteúdo matemático relevante para sua atuação docente. O Programa opera em ampla escala, com o objetivo de, em médio prazo, ter impacto substantivo na formação matemática do professor em todo o território nacional.
Os objetivos do PROFMAT são consistentes com a missão estatutária da SBM de “Estimular a melhoria do ensino de Matemática em todos os níveis”.
Inscrições
As inscrições estão abertas até 2 de julho, na Coordenação Acadêmica do PROFMAT da UFPB, com o professor João Marcos Bezerra do Ó, nos seguintes contatos: e-mail:  jmbo@mat.ufpb.br ou no telefone (83) 3216 7563.
Outras informações podem ser obtidas no endereço eletrônico http://www.profmat-sbm.org.br.

Fonte:

terça-feira, 29 de maio de 2012

29 de maio - Dia do Geógrafo


Os geógrafos são profissionais que estudam a Terra. Mas como é isto? Eles sabem tudo sobre o revelo, o clima, a vegetação e os rios que constituem o nosso planeta.Mas não é só isso! Também estudam economia, a distribuição geográfica populacional, as divisões políticas entre os países, as diferenças culturais e muito mais. 

Pesquisam como as comunidades e habitantes se relacionam com o meio em que vivem!

Os geógrafos exercem um papel muito importante atualmente, cuidando do nosso planeta e auxiliando no planejamento urbano, no manejo de recursos naturais, no planejamento da construção de hidrelétricas e pólos industriais, que são fundamentais para a sociedade, mas que exigem responsabilidade para que o impacto ambiental seja o menor possível!

Algumas das atividades exercidas pelos geógrafos:
  • Ensino: leciona no ensino fundamental, médio e superior.
  • Planejamento urbano: planeja o crescimento e desenvolvimento de uma determinada região ou município.
  • Geografia física: estuda os aspectos físicos da Terra, como clima, solo e vegetação.
  • Geografia humana: interpreta os dados sociais e econômicos de uma população. Planeja a ocupação de áreas urbanas e rurais.
  • Geopolítica: analisa a relação entre espaço geográfico e a organização econômica, política e social de uma região, país ou bloco de países.
  • Meio ambiente: estuda os ecossistemas e previne impactos ambientais causados pela ocupação de terrenos. Faz o manejo de bacias hidrográficas.
  • Planejamento territorial e urbano: organização dos espaços urbanos ou rurais para a instalação de pólos industriais, barragens e outras grandes obras.
Fonte: Brasil Profissões
    "Profissional que estuda a Ciência que tem por objeto a descrição da Terra na sua forma, acidentes físicos, clima, produções, populações, divisões políticas etc"
Fonte: Dicionário Michaelis

UFPB realiza evento de Ecocrítica inédito no país


A Universidade Federal da Paraíba sediará no mês de Agosto o primeiro Congresso Internacional de Literatura e Ecocrítica. Segundo a organizadora geral do evento, Professora Zélia Bora, chegou o momento do país compartilhar as preocupações ambientais através da literatura a exemplo de países como Estados Unidos, Índia e China (Taiwan) . 

"Trata-se de uma tendência teórica preocupada com a subjetividade da natureza e da sua relação com o ser humano representado pelos textos literários e em outras linguagens como o cinema e o jornalismo".
A Ecocrítica é área que desponta nas universidades juntamente com a necessidade da conscientização das pessoas em relação à preservação do meio ambiente, à prevenção de catástrofes naturais e do bem estar proveniente da relação com a natureza através da sustentabilidade. Chegou o momento do espaço acadêmico incorporar essa tendência crítica, preocupada em despertar a consciência ecológica e a mensagem crítica através de ensaios que falem da perspectiva da  natureza. "João Pessoa é o lugar ideal para a realização do evento por seu cenário natural magnífico que permite reflexões inclusive sobre as contradições entre o marketing ecológico de cidade verde e o não cumprimento dos direitos e deveres ambientais, típicas de outras cidades brasileiras e estrangeiras".

A realização do Congresso de Literatura e Ecocrítica tem apoio institucional da UFPB, do seu Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes, seu Programa de Pós-graduação em Letras e seu Sindicato de Professores (Adufpb), além do apoio da Universidade Estadual da Paraíba. Ele é produto das atividades de ensino, pesquisa e extensão realizadas pela organizadora expresso através de eventos como a orientação de projetos de pesquisa e a semana de conscientização em defesa dos animais, que teve no ano passado a participação de ativistas, professores e alunos de escolas estaduais.

I Congresso Brasileiro de Literatura e Ecocrítica: As Linguagens da Natureza

A relação entre a literatura e o meio ambiente é uma das formas mais eficazes para entendermos e defendermos a subjetividade da Natureza, através da qual, pela linguagem, buscamos conhecer o significado da vida. Nos centros acadêmicos, em várias partes do mundo, grupos de professores, estudantes, artistas, poetas, ambientalistas, filósofos e músicos têm procurado, através de abordagens críticas, preservar e proteger a Natureza.

Objetivando a troca de experiências e dinâmicas de ação que procuram intermediar o conhecimento e a reflexão através da comunicação, a Universidade Federal da Paraíba, e a Universidade Estadual da Paraíba têm o prazer de convidá-lo para o Primeiro Congresso Brasileiro de Literatura e Ecocrítica. Ensaios em Português, Espanhol e Inglês serão aceitos. O Congresso incluirá painéis acadêmicos, palestrantes convidados, workshops, sessões plenárias e atividades culturais.

Congresso terá grandes nomes estrangeiros da Ecocrítica

Os participantes do congresso terão oportunidade de assistir a conferências dos pesquisadores da Associação Norte-americana de Ecocrítica Scott Slovic e Kimberly Ruffin, além de prestigiar o britânico Robert Lee.
Scott Slovic é professor de Literatura e Meio Ambiente  e chefe do Departamento de Inglês da Universidade de Nevada nos Estados Unidos.Kimberly Ruffin leciona na Universidade Roosevelt em Chicago e tem publicação sobre ecoliteratura afro-americana que associa estudos afro-americanos e ecocríticos.

Robert Lee é professor da Universidade de Nihon em Tokio e professor visitante de universidades norte-americanas. Já publicou trinta livros entre eles títulos sobre multiculturalismo, estudos étnicos e africanos.

Os perfis completos dos conferencistas convidados e as informações para as inscrições e para apresentação de trabalhos  podem ser acessados neste site: http://www.ecocritica.com.br/





segunda-feira, 28 de maio de 2012

Mestrado Profissional em Letras

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte coordenará o Programa de Mestrado Profissional em Letras (PROFLETRAS), oferecido em rede nacional, com participação de 42 Instituições Federais de Ensino Superior e que tem como objetivo formar professores da Educação Fundamental para o ensino da Língua Portuguesa.

Com 1.000 vagas, que serão distribuídas entre as instituições associadas, o público-alvo do Programa são os docentes egressos de cursos de graduação em Letras e áreas afins, preferencialmente que estejam atuando no Ensino Fundamental da escola pública, embora também esteja aberto aos docentes da rede privada.
O PROFLETRAS congregará 281 professores de todo o País - pesquisadores respeitados na área e experientes nas especialidades demandadas.
A escolha da UFRN para coordenar o programa justifica-se “porque, entre as universidades candidatas, era a que tinha o perfil mais adequado à proposta”, afirmou Dermerval da Hora de Oliveira, coordenador da área de Letras da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) que, na segunda-feira, 15, reuniu-se com a equipe da Pró-Reitoria de Pós-Graduação (PPG) e do Programa de Pós-Graduação em Estudos da Linguagem da UFRN para finalizar o projeto.
A UFRN tem experiência na participação em formas associativas de pós-graduação, a exemplo do RENORBIO, do PRODEMA e do Doutorado em Desenvolvimento e Inovação Tecnológica em Medicamentos.
Com previsão para funcionar em 2013, o PROFLETRAS terá como área de concentração Linguagens e Letramento e duas linhas de pesquisa: Teorias da Linguagem e Ensino e Leitura e produção Textual: diversidade social e práticas docentes.
Na UFRN, o PROFLETRAS funcionará no Campus Central, em Natal, e no Centro Regional de Ensino Superior do Seridó (CERES) de Currais Novos, conforme proposta aprovada pelo Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CONSEPE) na manhã de segunda-feira.
A proposta será encaminhada à Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior ainda este mês.
Fonte:

Inscrições - ENEM 2012

Inscrições para o Enem 2012 já estão abertas; saiba como participar

As inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2012 já estão abertas. Os estudantes interessados em fazer o exame que serve como processo seletivo para várias universidades e institutos federais de ensino superior podem se inscrever pela internet, no endereço ENEM.  O prazo vai até o dia 15 de junho. A taxa custa R$ 35.


O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), autarquia vinculada ao Ministério da Educação, liberou o acesso dos candidatos ao sistema na manhã desta segunda-feira (28). O exame será realizado nos dias 3 e 4 de novembro e o resultado individual dos candidatos será divulgado em 28 de dezembro. Segundo o Inep, a expectativa é que 6 milhões de pessoas se inscrevam para fazer o Enem 2012. Para facilitar o processo de inscrições, o ministério preparou um guia com instruções para os candidatos(Clique Aqui). 

Veja abaixo a agenda do ENEM:
Agenda do Enem
InscriçõesDe 28 de maio (a partir das 10h), a 15 de junho (até as 23h59)
Pagamento da taxaAté 20 de junho
Provas3 de novembro (das 13h às 17h30) - Ciências Humanas e Ciências da Natureza

4 de novembro (das 13h às 18h30) - Linguagens, códigos e suas tecnologias, Redação e Matemática
Gabarito7 de novembro
Resultado Final28 de dezembro

sábado, 26 de maio de 2012

Aula inaugural do CURSINHO DA UFPB LITORAL NORTE na ALDEIA SÃO FRANSCICO – BAÍA DA TRAIÇÃO (12/05/2012)

Cursinho Pré-Universitário Litoral Norte

Polo – Baía da Traição

Relatório

Hoje, dia doze de maio de dois mil e doze, iniciamos as atividades do Cursinho Pré-Universitário em nosso Polo.
No turno da manhã, diante da antecipada justificativa de ausência do Professor Francinaldo (Disciplina Física), preparamos uma dinâmica para realizar com as turmas para conhecê-los, instigá-los e compartilhar com eles, diversas histórias de superação e, como podemos usá-las como exemplos em nossas caminhadas. A Professora Jocélia deu suas aulas normalmente, cumpriu seus horários e pelo que pudemos perceber, os alunos gostaram muito dela.
No turno da tarde, antes da chegada dos Professores, pedimos que os alunos respondessem algumas questões a respeito das primeiras impressões que tiveram do Cursinho, de sugestões que gostariam de dar para os próximos encontros e também como uma tentativa de sondar as escolhas ou possíveis indecisões em relação ao Curso Superior. Já recolhemos alguns questionários e vamos iniciar a sondagem para tentar melhorar a condução das nossas atividades. Por conta da ausência dos Professores de Português e Literatura, precisamos realizar uma alteração nos horários. Subimos as aulas de Inglês e Espanhol para o primeiro tempo da tarde e os Professores Mayara e André deram suas aulas normalmente e foram bem aceitos pelos alunos. No segundo tempo, o Professor Sidnei (Coordenador Geral) usou o momento para realizar a sua visita, conversar com os alunos e para que eles não se prejudicassem diante da ausência das aulas antes mencionadas, deu uma descontraída aula de Geografia.
Sem mais alterações, encerramos os nossos trabalhos às 16:00h, conforme relatório e fotos abaixo.


Andréa Bezerra Falcão
Coordenadora de Polo de Baía da Traição

Alunos do Polo da Baía Traição
Dinâmica - Grupo 1: Personagem Presidente Dilma Roussef

Grupo 2: Personagem Edson Arantes do Nascimento "Pelé"

Grupo 3: Personagem Luís Inácio Lula da Silva

Grupo 4: Personagem Neymar, jogador de futebol
Aula de Espanhol - Prof. André

Aula de Inglês - Prof. Mayara 

Aula de Química - Prof. Jocélia

Aula de Geografia - Prof. Sidnei

Alunos do Cursinho da UFPB - Baía da Traição

FOTOS

Visita ao PRMC - Projeto e Recomposição das Matas Ciliares do Rio Mamanguape (2008)
Rio Mamanguape na estação chuvosa (2008)

quinta-feira, 24 de maio de 2012

Artigo sobre Educação Indígena Potiguara no 3º SERNNE

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA
PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GEOGRAFIA

 

3º SEMINÁRIO REGIONAL NORTE E NORDESTE DA PÓS–GRADUAÇÃO EM GEOGRAFIA


INFORME DE ACEITE DE TRABALHO




Prezado(a) Sr(a): Sidnei Felipe da Silva


A Comissão organizadora do 3º SERNNE tem a satisfação de lhe informar que o trabalho EDUCAÇÃO AMBIENTAL: AS CONTRIBUIÇÕES DO ENSINO DE GEOGRAFIA PARA A EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS EM ESCOLAS INDÍGENAS DO POVO POTIGUARA, foi aceito na modalidade de GT’s, para ser apresentado no 3º SEMINÁRIO REGIONAL NORTE E NORDESTE DA PÓS-GRADUAÇÃO EM GEOGRAFIA, que será realizado entre os dias 13 e 15 de Junho de 2012 na cidade de João Pessoa-PB.



Atenciosamente,
Comissão Organizadora do 3º SERNNE

quarta-feira, 23 de maio de 2012

3º SERNNE - João Pessoa/PB

 
 
 
III SEMINÁRIO REGIONAL NORTE-NORDESTE DE PÓS-GRADUAÇÃO EM
GEOGRAFIA

III Seminário Regional Norte-Nordeste de Pós-Graduação em Geografia será realizado de 13 a 15 de junho de 2012 na Universidade Federal da Paraíba (UFPB) na cidade de João Pessoa-PB. O evento tem caráter regional, contando com convidados dos Programas de Pós Graduação em Geografia do Norte e Nordeste e representantes de Agências de Fomento à Pesquisa. Seu público-alvo é constituído de pesquisadores e professores, além de alunos de pós-graduação em Geografia.

O tema central do evento é a “Pós-Graduação em Geografia no Norte e Nordeste: políticas de fomento, pesquisas e ações. O objetivo central desse evento é o de aprofundar os debates sobre a política de pós graduação e os desafios postos para a consolidação dos programas situados nessas duas regiões, seja no que concerne aos enfrentamentos relacionados a obtenção de recursos, seja no âmbito da concretização das pesquisas.

O evento está organizado nos seguintes segmentos, a saber: Diálogo de Abertura; Grupos de Trabalho, que constituem espaços privilegiados para discussões das diferentes pesquisas realizadas, ou em andamento, nos campos temáticos indicados na estrutura do evento; Mesas redondas, integradas por pesquisadores indicados pelo conjunto dos Programas de Pós-graduação do Norte e Nordeste; Fórum de Coordenadores, e de Estudantes, onde será discutida prioritariamente a política de Pós-Graduação do Norte e Nordeste, a partir das experiências construídas nas pós-graduações dessas duas regiões e das diretrizes das agências financiadoras.

As Mesas Redondas e o Diálogo de Abertura estão estruturados, visando aprofundar osdebates colocados nos eventos anteriores sobre a política de Pós Graduação brasileira, principal objetivo do evento. Já os Grupos de Trabalho visam debater o conjunto dos temas que vem sendo pesquisados nas pós graduações dessas duas regiões, de modo a fomentar a troca de experiências e o aprofundamento das pesquisas.

Objetivos:
Discutir e propor estratégias para a criação e consolidação dos Programas de Pós-graduação em Geografia nas Regiões no Norte e Nordeste, através do (a):
·    Fortalecimento das linhas de pesquisas e redes de pesquisadores;
·    Articulação e parcerias de pesquisadores de diferentes IES com vistas ao fortalecimento dos veículos de publicação científica;
·   Divulgação de experiências inovadoras no campo da divulgação científica;
·  Avaliação do desempenho dos Periódicos Científicos e parâmetros da Base Qualis e indexadores;
·  Realização de intercâmbios e convênios entre Programas, IES e órgãos de fomento à pesquisa.